Residência Médica

Dermatologia

Histórico

Os primeiros anos do Serviço de Dermatologia da Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ) foram maravilhosos e difíceis, abrindo-se ações e frentes de trabalho (residentes, laboratórios, clínica, pacientes e comunidade) em 1977, sob a liderança do Prof. Dr. Fernando Augusto de Almeida, auxiliado por grandes Mestres: Prof. Dr. Cardoso de Almeida (patologia), Prof. Dr. Vitor Reis (doenças sistêmicas), Prof. Dr. Carlos Machado (cirurgia), Profa. Dra. Célia Riscalla (imunologia), Prof. Dr. Julio Morais Bestero (cirurgião plástico).

O serviço funcionava, inicialmente, na cidade de Franco da Rocha e os objetivos básicos da equipe eram claros: ensino, pesquisa e assistência médica, todos cumpridos com excelência, tendo obtido, assim, o credenciamento pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, APM, AMB, e Comissão Nacional de Residência Médica, títulos que preservamos até hoje.

O Serviço de Dermatologia da FMJ cresceu bem, de forma segura, e alguns de seus alunos tornaram-se competentes professores, com novos membros juntando-se ao staff.
No aniversário de 40 anos do Serviço de Dermatologia da FMJ, já funcionando integralmente na cidade de Jundiaí, em 2017, o Serviço pôde também comemorar, com orgulho, a formação de mais de 100 residentes, de todo o País, aprovados no TED e alguns deles passando a magistério das próprias unidades, Brasil afora.

O Serviço de Dermatologia da Faculdade de Medicina de Jundiaí destacou-se no campo da pesquisa, como em doenças bolhosas (Prof Dr. Paulo R Cunha, atualmente aposentado), nas doenças infecciosas (Prof. Iza Bottene, na pesquisa de MH e Prof. Célia A. X. M. Alves, no estudo do HIV), na pesquisa dos tumores malignos e no estudo da dermatoscopia (Prof. Juliana Arêas), bem como no estudo das doenças inflamatórias (Prof. Bárbara Lovato, Prof. Dra. Mariana Careta e Glaucos Paraluppi).
Temos ainda a inestimável colaboração de um dos poucos dermatopatologístas do País, o Prof. Dr. Clovis A Lopes Pinto, que, semanalmente, discute caso a caso dos exames realizados.

Os residentes têm também o privilégio de fazer o curso de micologia semanalmente, com o Prof. Dr. Alexandre Lourenço.
Contamos ainda com professores colaboradores do mais alto gabarito em diversas especialidades: Dr. Octavio Moraes Jr. (cirurgia e onicoses), Dra. Monica Bulizani Martins (dermatoses pediátricas), Dra. Jacqueline Campoi C. L. Pinto (dermatoses alérgicas), Prof. Valéria Campos (tecnologias), Dra. Tallita Rezende (cosmiatria), Prof. Glaucos Paraluppi (fototerapia), Dr. Victor Fernandes e Dra. Fabíola Genovez Leme (cirurgias dermatológicas e de Mohs) e a mestranda Dra. Thais Andrade (dermatoses inestéticas). Contamos também com os ambulatórios de tricologia (Prof. Dra. Mariana Careta), bolhosas e infecciosas (Prof. Barbara Lovato), dermatoscopia e tumores (Prof. Juliana Arêas). Os ambulatórios de hanseníase (com Dra. Andrea Bileck) e de curativos (com a Enfermeira Maria G. Bortotto) funcionam com excelência, nas unidades da Prefeitura de Jundiaí, via GITES e o ambulatório de alergopediatria (com Dra. Aline Mendes) é realizado no HU.

As internações e interconsultas são feitas nos Hospitais Escola da FMJ.

Serviço nos dias de hoje

Atualmente, a chefia do Serviço é da Prof. Célia Antonia Xavier de Moraes Alves, que faz, também, os ambulatórios de psoríase, colagenoses e farmacodermias (doenças sistêmicas com repercussões cutâneas).

A meta atual do Serviço de Dermatologia da Faculdade de Medicina de Jundiaí, além do ensino, pesquisa e atendimento de qualidade à população, é de se integrar cada vez mais à comunidade, oferecendo aos colegas dermatologistas, mesmo os não ligados aos serviços acadêmicos, oportunidade para se reciclarem.

Seus integrantes consideraram relevante ter participado dos avanços e do prestígio nacional que o Serviço conseguiu, tanto na área de ensino como na área de pesquisa e assistência.

Fale conosco!